Jessica Campbell Jones Cage é uma super heroína ficcional de um quadrinho estadunidense publicado pela Marvel Comics. Criada pelo escritor Brian Michael Bendis e pelo artista Michael Gaydos, a personagem fez sua primeira aparição em Alias #1 (Novembro de 2001) como uma super heroína aposentada que começou a trabalhar na Alias Private Investigations. Jones iniciou, então, mais duas séries, (Alias e The Pulse). Junto de seu marido, Luke Cage, tornou-se membro dos Novos Vingadores durante a campanha da Marvel em 2010, a Era Heroica. Em vários momentos de sua história, Jessica usou pseudônimos como Safira, Paladina e Poderosa.
sobre a personagem jessica jones
Sobre a Personagem (Quadrinhos)
Jessica era uma estudante solitária com uma paixonite pelo estudante Peter Parker (que se tornaria o super heroi Homem Aranha). Ela estava em uma viagem com sua família quando seu pai, distraído pela bagunça que ela e seu irmão faziam no banco de trás, perdeu o controle do carro e ocorreu um acidente com um caminhão do exército que transportava material experimental não identificado, possivelmente radioativo, com o qual Jessica foi exposta durante o acidente. Seu pai, mãe e irmão foram mortos, e Jessica teve sequelas que a colocaram em coma por meses. Quando acordou, foi colocada em um orfanato e mais tarde adotada por uma família de sobrenome Jones, o qual ela passou a usar.

Meses após o acidente, enquanto voltava da escola correndo em estado emocional destruído, Jessica teve seus poderes super humanos, que foram resultado do material experimental, manifestados; seu vôo sem experiência a levou a cair na costa, onde foi salva por Thor. Ela logo descobriu que também ganhou força super humana. Enquanto testava suas capacidades de vôo, ela se deparou e derrotou o criminoso conhecido como Scorpion, não muito depois de sua primeira derrota contra o Homem Aranha. Proclamada uma heroína, Jessica logo adotou uma identidade: Jewel, começando sua carreira menos de 3 anos após a aparição do Homem Aranha.

Pouco se sabe da carreira de Jessica como Jewel, mas suas atividades foram, evidentemente, não tão escandalosas quanto as de outros herois de Nova York. Mesmo assim, ela se manteu na ativa por cerca de quatro anos, se tornando amiga de vários outros herois, até que se deparou com o Purple Man. Usando os poderes de controle de mente para se apossuir de Jessica, o Purple Man a levou a atacar a polícia e a sequestrou por meses, a submetendo a humilhação mental e física como uma forma de vingança pela sua derrota pelos outros herois. Finalmente, em um ataque de fúria, ele mandou Jessica para a Avengers Mansion, esperndo que ela encontrasse e matasse Daredevil. Jessica atacou a primeira heroina que encontrou, Scarlet Witch, um ato que a libertou do controle do Purple Man. Despreparada para explicar suas ações, ela vôou e foi perseguida pelos Avengers, levando um golpe poderoso de Vision. Ms. Marvel a resgatou de um próximo ataque, mas Jessica ficou inconsciente e foi levada até a S.H.I.E.L.D, onde ficou sob cuidados, até que Phoenix (X-Men) telepaticamente a ajudou a resgatar seus sensos. Após semanas de recuperação física, foi ofertada a Jessica um vínculo com os Avengers, mas ela sentiu que sua experiência a ensinou que ela não estava pronta para a vida de heroína e abdicou de sua identidade Jewel. Em adição a isso, ela descobre que o abuso do Purple Man a levaram a ficar emocionalmente insegura, particularmente em relações românticas.

Leia os quadrinhos